27/08/2019 às 17h57min - Atualizada em 27/08/2019 às 17h57min

Dietas restritivas e emagrecimento rápido

A perda de peso rápida é sempre uma proposta tentadora que seduz a muitos. Seja em revistas, sites de beleza ou até mesmo em redes sociais, não é difícil encontrar novos e curiosos métodos para perda de peso. O uso desses métodos revela a relação entre excentricidade e adesão. Ao que parece, quanto mais próximo do impossível, maior é a quantidade de pessoas realizando as determinas propostas. É assim que surgem as “dietas”. Do ovo, da sopa, do sol, dos pontos... tem para todos os gostos. De certa forma, o emagrecimento chega, mas devemos analisar a custo do que, tendo em vista a tendência que temos de colocar os padrões estéticos em detrimento da saúde.
Analisando brevemente o corpo humano, entende-se que o balanço energético negativo é o que promove o emagrecimento, isto é, gastar mais energia do que a ingerida em forma de calorias, e é por isso que as dietas citadas, tem no primeiro momento, um resultado positivo. Porém, a restrição de alguns grupos alimentares e porções, não diminuem apenas as calorias de suas refeições mas também retira nutrientes que o seu corpo precisa para se manter, em especial os essências, isto é, os que o organismo solicita e que só podem ser adquiridos via alimentação.
O resultado não poderia ser diferente, indisposição, dores de cabeça, unhas quebradiças, pele e cabelo ressecados, flacidez, náuseas, tonturas, entre outros. Em resumo, o seu corpo não é uma via de mão única e por isso o emagrecimento saudável só ocorre ao longo prazo, com o planejamento de uma alimentação saudável aliada a prática de exercícios físicos, o que promovem bem-estar físico e psíquico. Procure um nutricionista e reestabeleça o seu bem-estar. 
 
 
Gostou do conteúdo? Tem mais no meu Instagram @_tatinutri
Te espero lá
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »